26.3 C
Brasil
domingo, junho 20, 2021
Início Justiça TJBA – Mundo novo: atividades presenciais e prazos processuais seguem suspensos no...

TJBA – Mundo novo: atividades presenciais e prazos processuais seguem suspensos no fórum da comarca

Continuam suspensos, até a próxima sexta-feira (11), os prazos processuais e as atividades presenciais no fórum da Comarca de Mundo Novo, localizada a 304 quilômetros de Salvador. A prorrogação da suspensão foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico desta segunda-feira (7).

Conforme estabelecido no Decreto Judiciário nº 367, o regime extraordinário do teletrabalho segue vigente, observando-se os atos normativos do Poder Judiciário da Bahia que dispõem sobre a questão. Vale salientar que a determinação considera o lockdown adotado no município como medida de combate à Covid-19.

Os prazos que vencerem durante o período de suspensão ficarão prorrogados para o primeiro dia útil subsequente, nos termos do art. 224, § 1º, do Código de Processo Civil.

The post TJBA – Mundo novo: atividades presenciais e prazos processuais seguem suspensos no fórum da comarca appeared first on AASP.

- Advertisment -

Popular

Presidente da ANPR defende fim da recondução do PGR e mandatos maiores

O novo presidente da ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República), Ubiratan Cazetta, diz ser contrário à recondução do Procurador-Geral da República ao cargo....

Presidentes da Câmara, Senado, STF e STJ lamentam mortes; Bolsonaro silencia

Os presidentes Arthur Lira (Câmara), Rodrigo Pacheco (Senado), Luiz Fux (STF) e Humberto Martins (STJ) publicaram notas, separadamente, lamentando as 500 mil mortes pela...

Bolsonaro diz ao STF que Leite faz má-gestão, mas nega ter o acusado de crime

Em resposta enviada ao STF (Supremo Tribunal Federal), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB),...

Fundo de investimento compra OAS por R$ 4,5 bilhões

A OAS, que foi uma das maiores empreiteiras do Brasil, foi vendida para um fundo de investimentos por R$ 4,5 bilhões. Os detalhes da...