24.1 C
Brasil
quinta-feira, abril 15, 2021
Início Justiça Marcelo Adnet processa Mario Frias por difamação e injúria

Marcelo Adnet processa Mario Frias por difamação e injúria

O ator Marcelo Adnet registrou uma queixa-crime contra Mario Frias, secretário nacional de Cultura por difamação e injúria. O ator e humorista fez a denúncia com base em uma publicação de Frias em setembro de 2020, no Instagram. O caso está na 42ª Vara Criminal do TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro).

A publicação de Frias foi feita em 4 de setembro do ano passado. O motivo foi um vídeo de Adnet em que o humorista ironiza uma publicação de Frias em homenagem ao 7 de Setembro. Para comemorar a data, o secretário de Cultura aparece em uma campanha da Secretaria de Comunicação admirando heróis brasileiros. Na paródia, Adnet imita Frias, mas atua como se o secretário estivesse perdido.

.mod-newsletter.full .title, .mod-newsletter.full h1 {font-size:18px;text-transform:none;} input.submit{margin-top: 0.2px !important;} .mod-newsletter.full .title small, .mod-newsletter.full h1 small{font-size:16px;}.mod-newsletter .title, .mod-newsletter
h1{font-family:”Prelo”,sans-serif;}.mod-newsletter.full input[type=text]{font-size:14px;padding: 10px 7px;}.mod-newsletter.full input[type=submit] {padding:9px 0;margin-top:-21px}.mod-newsletter.full {margin:15px 10px; padding:20px 15px 15px; border: 1px solid #d2d2d2; background:transparent; background-color#fff;}.enviar .container {width:100%;}.content.wp h1, .content.wp h2 .enviar{margin:0;}@media only screen and (max-width: 1279px){.mod-newsletter.full h1{font-size:15px;}}@media only screen and (max-width: 1279px){.mod-newsletter.full h1 small{font-size:14px;}}@media only screen and (max-width: 767px){.mod-newsletter.full h1 {padding-bottom:11px;}}

Receba a newsletter do Poder360

Em resposta, Frias utilizou seu perfil no Instagram para publicar uma foto de Adnet e um texto em que o chamava de “garoto frouxo e sem futuro“. Entre outros insultos, Frias chama o humorista de “criatura imunda“, “crápula” e “Judas“, além de afirmar que ele não tem caráter.

Um palhaço decadente que se vende por qualquer tostão, trocando uma amizade verdadeira, um amor ou sua história por um saquinho de dinheiro e uma bajulada no seu ego infantil e incapaz de encarar a vida e suas responsabilidades morais“, disse o secretário de Cultura.

A defesa de Adnet afirma que o texto de Frias foi além dos limites da liberdade de expressão. Por injúria e difamação, o humorista pede a condenação de Frias e uma multa, com valor a ser definido pela Justiça, por danos morais.

A reportagem do Poder360 tentou contatar o secretario de Cultura Mario Frias para se manifestar sobre o caso, mas até a publicação dessa reportagem não obteve resposta.

- Advertisment -

Popular

Laudos da Anvisa apontam ao menos 15 pontos críticos sobre vacina Sputnik V

Documentos internos da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) apontam pelo menos 15 pontos críticos que podem comprometer a qualidade, a segurança e a...

Câmara volta a discutir PEC da 2ª Instância e comissão terá novo presidente

A comissão especial da Câmara que discute a PEC (proposta de emenda à Constituição) 199 de 2019, que estabelece o início do cumprimento de...

Justiça manda Band Rio reduzir tempo cedido a igrejas na programação da TV

A Justiça Federal do Rio de Janeiro determinou que a TV Bandeirantes no Estado reduza o tempo cedido a instituições religiosas na programação. De...

STF decide que plenário pode analisar anulação das condenações de Lula

O STF (Supremo Tribunal Federal) formou maioria, nesta 4ª feira (14.abr.2021), para o entendimento de que plenário da Corte tem competência para julgar a...